Em defesa da pátria palestina

Palestinos identificam-se como um povoNos últimos anos, Israel recrudesceu sua ofensiva contra o combativo povo palestino, procurando por todos os meios, econômicos, políticos e militares submetê-lo ou aniquilá-lo, se possível para controlar e se apropriar dos ricos recursos petrolíferos e minerais de toda a região do Oriente Médio.

A agressão militar, através do permanente bombardeio ao povo palestino, o controle das fronteiras, o bloqueio genocida de Gaza como o avanço na ocupação direta do território com assentamentos israelenses, como os ataques bélicos para impedir a solidariedade internacional de outros povos à justa luta dos irmãos palestinos, se aprofundou com a crise econômica internacional do capitalismo-imperialismo.

Israel como ponta de lança do imperialismo, fortalece-se e prepara-se militarmente para agredir outros povos da região que se opõem à sua política, como por exemplo, o Irã. Com o intento de provocar uma guerra de dimensões muito perigosas que sirva de saída para a crise geral do capitalismo e para estender seu domínio e hegemonia frente a outras potências imperialistas que também a disputam.

Frente a isto, destacamos e referendamos nossa solidariedade com o papel combativo que mantém o povo palestino, de resistir e enfrentar o imperialismo e seu lacaio Israel, de lutar por seu inalienável direito à independência, liberdade e soberania nacional e apoiamos sua justa reivindicação, apoiando-se nas resoluções da ONU (todas sendo boicotadas por Israel e seu mentor, os EUA) de voltar às fronteiras de 1965.

VIVA A LUTA DO POVO PALESTINO!

POR UMA PALESTINA LIVRE E INDEPENDENTE

Conferência Internacional de Partidos e Organizações Marxistas Leninistas (CIPOML)



Postado em 5 janeiro, 2011 às 16:23.
Categorias: CIPOML, Comunicados.