NOTíCIAS

Dirigente do PCR argentino sof...

A companheira Julia Rosales, dirigente do Partido Comunista Revolucionário (PCR) da Argentina, recebeu três tiros de um homem quando chegava em sua casa, na tarde do último dia 28 de ...

A reforma dos patrões

Por Luiz Falcão Daqui a 90 dias, começa a vigorar a Reforma Trabalhista aprovada de forma forjada pelo Senado Federal e pela Câmara dos Deputados. Com a reforma, os patrões, a ...

Conheça como é o trabalho de...

O jornal A Verdade entrevistou Jailson Davi Nunes dos Santos e Natália Lúcia Barbosa Carneiro, militantes da Unidade Popular (UP) em Pernambuco, que, juntos, coletaram 2.549 assinaturas de apoio apenas ...

Ler mais Notícias

COMUNICADOS

Vida de Hamma Hammami corre pe...

DECLARAÇÃO SOBRE A RETIRADA DA GUARDA PRESIDENCIAL PARA HAMMA HAMMAMI PRESIDENTE DA FRENTE POPULAR DA TUNÍSIA A Frente Popular na Tunísia, liderada pelo camarada Hamma Hamami, tem sido objeto de recentes ataques ...

RECHAÇAMOS A INTERVENÇÃO IM...

Os acontecimentos que se desenrolam atualmente na Venezuela expressam a ingerência do imperialismo norte-americano, dos países imperialistas da União Europeia, a intervenção da OEA e dos governos reacionários da América ...

Continuar a luta pelo fim da i...

Partido Comunista do Trabalho da República Dominicana - PCT 30 de maio de 2017 Declaração Política Continuar a luta pelo Fim da Impunidade e Mudar o Regime Político. As instituições públicas não impediram a ...

Ler mais Comunicados



Dirigente do PCR argentino sofre atentado a tiros

A companheira Julia Rosales, dirigente do Partido Comunista Revolucionário (PCR) da Argentina, recebeu três tiros de um homem quando chegava em sua casa, na tarde do último dia 28 de agosto. Foram cinco disparos, dois acertaram seu peito e um, seu joelho. Ela permanece internada, mas sem perigo de morrer. Mais tarde, o carro de seu companheiro, Mario Segovia, dirigente nacional do PCR, foi destruído ainda não se sabe em que condições. Julia é uma das principais lideranças da Corrente Classista e Combativa ... [Leia mais...]

A reforma dos patrões

Por Luiz Falcão Daqui a 90 dias, começa a vigorar a Reforma Trabalhista aprovada de forma forjada pelo Senado Federal e pela Câmara dos Deputados. Com a reforma, os patrões, a classe capitalista, irão pagar salários mais baixos, poderão impor a jornada de trabalho que desejarem ao operário, implantar a terceirização em todos os setores da economia e até obrigar mulheres grávidas e lactantes a trabalharem em condições insalubres. Trata-se do maior retrocesso nos direitos dos trabalhadores brasileiros nos últimos 100 anos. Um dos ... [Leia mais...]